CAMPANHA: DOE LENÇOS E BONÉS. DOE AUTOESTIMA!

O Projeto Repartir, um grupo de voluntárias de Salvador, está com uma linda campanha de elevação da autoestima de pacientes em tratamento de câncer.

A campanha consiste em 2 partes:
– Arrecadação permanente de bonés e lenços, adultos e infantis, que podem ser entregues na loja Valmari (Pituba Parque Center – Salvador / BA) ou enviados pelo correio (para informações, entre em contato com o Projeto Repartir através da fanpage)

– Visita a instituições assistenciais sem fins lucrativos para uma conversa, lanche, brincadeiras, aula de turbantes, entre outros. Confira as fotos das duas primeiras visitas! Continuar lendo

EXPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA TOQUE DE VIDA

Gente, quero compartilhar aqui algo muito especial com vocês, principalmente com quem mora ou está passeando em Salvador.
O grupo de voluntárias que eu faço parte, o Projeto Repartir (www.facebook.com/projetorepartir), em parceria com o Shopping Iguatemi Salvador, levará a novamente ao púbico a exposição fotográfica TOQUE DE VIDA, em homenagem ao dia da mulher.
A exposição retrata pacientes que enfrentaram o Câncer de Mama, mostrando sua superação e a possibilidade de uma vida normal e feliz após a doença. Serão expostas diferentes situações (como pacientes que viveram o câncer e uma gravidez ao mesmo tempo), etnias, idades e gêneros (um representante masculino, para alertar que homem também pode ter câncer de mama).
Essa é mais uma atividade que estamos realizando para aconscientização sobre a importância do diagnóstico precoce do Câncer de Mama, que é hoje a doença que mais mata mulheres no Brasil.
Por ano, no Brasil, em torno de 52.680 mil novos casos de tumor de mama são diagnosticados e 12.098 mil óbitos previstos. Somente na região Nordeste serão 8970 mil casos previstos: na Bahia teremos 2110 e
em Salvador, 810.

Serviço:

  • Exposição Toque de Vida, com pacientes que superaram o câncer de mama.
  • Data: 01 a 17/03
  • Local: Shopping Iguatemi, Alameda Luiz Gama – 3º piso.
  • Informações: PROJETO REPARTIR – www.facebook.com/projetorepartir

Beijos
Paula

EXPOSIÇÃO TOQUE DE VIDA

“O câncer de mama é hoje a doença que mais mata mulheres no Brasil. Pode tirar a vida, a autoconfiança, a feminilidade, a autoestima, a beleza do corpo e a alegria da alma. E, para surpresa de muitos, ele acomete homens também! O diagnóstico precoce é a melhor arma para evitar essa estatística. Nós, que já passamos por essa luta e saímos vitoriosos, estamos aqui para mostrar nossas histórias de superação e vida, felizes por podermos compartilhar com todos a força que nos guiou. Somos muitos. Somos diferentes. Somos diversos em idades,etnias, gênero, situação de vida, crenças. Mas somos iguais: acreditamos que a nossa história pode ajudar a minorar a dor de tantos; que nossas batalhas vencidas podem enxugar as lágrimas de muitos; que nossa voz pode alertar que tratar câncer hoje é apostar no futuro, e que o diagnostico precoce é o caminho para isso. Aqui, nosso Toque de Vida!!!!”

É com esse texto de abertura que a exposição, idealizada e realizada pelo Projeto Repartir e clicada pelo fotógrafo Marcus Claussen, revela imagens  de 17 pacientes que resolveram enfrentar e vencer a batalha contra o Câncer de Mama. A intenção é mostrar à sociedade que esta batalha é sinônimo de vida. Em cada foto, o paciente conta, em poucas palavras, a sua estória de superação, em uma espécie de depoimento porém com um único objetvo: conscientizar a todos da importância do diagnóstico precoce.

A exposição foi apresentada durante o Evento Outubro Rosa, na Casa Cor Bahia, nos dias 30 e 31/10 e em breve, poderá ser apreciada em shoppings de Salvador.

Projeto Repartir

OUTUBRO ROSA NA CASA COR

marca_or
Outubro já passou, mas não posso deixar de contar para vocês como foi minha experiência participando efetivamente, pela primeira vez, de um evento beneficente, em prol do NASPEC – Núcleo Assistencial para Pessoas com Câncer – instutição de Salvador que ajuda pessoas que vêm do interior da Bahia para a Capital e não têm onde ficar durante o tratamento.
Em cerca de 2 meses eu e mais 7 pessoas, integrantes do grupo de voluntárias Projeto Repartir, conseguimos organizar um evento que tomou proporções impressionanetes, que nenhuma de nós esperava.

Continuar lendo