A NEURA COM O CABELO DE NICOLE

Eu não vejo novela, mas sei que existe uma personagem, a Nicole (interpretada por Marina Ruy Barbosa), que descobriu que tem câncer e tem poucos meses de vida. O que se esperava era que ela fizesse quimioterapia e perdesse o cabelo, como acontece com a maioria das pacientes.
Foi então que começou uma comoção nacional para que o autor não fizesse com que a atriz perdesse suas lindas madeixas ruivas. E não é que eles conseguiram? “O drama de Nicole”, “O Dilema da atriz”, “Chocante! Marina Ruy Barbosa terá que raspar a cabeça”, eram os títulos das matérias que eu lia.

Quer saber o que eu acho? Ridículo.

Se ela é atriz, tem que estar preparada para esse tipo de coisa: raspar a cabeça, cortar os cabelos, pintar e etc, para encarnar o personagem em questão.

Muitos falam que o autor desistiu de mandar Marina cortar os cabelos pq ela tem um contrato milionário com a L’Óreal. Que seja! Continuo achando ridículo.

Quando soube que a personagem dela teria câncer e teria que raspar a cabeça eu pensei: “espero que não façam drama, como fizeram com Carolina Dieckerman em Laços de Família”. Pq ela não podia fazer isso e levar numa boa? Era a CHANCE de ajudar a autoestima de MILHARES de mulheres que tiveram que perder seus cabelos e estão tristes por conta disso. Mas não… O apego com o cabelo falou mais alto. Não sei qual o motivo que eles vão dar para ela não cortar mais o cabelo… Só espero que tenha sentido.

Eu tive cabelo curtinho 10 anos da minha vida, deixei crescer e tive câncer, fiquei careca e, sinceramente, isso foi uma das minhas menores preocupações. Cabelo cresce, gente! Eu preferi ficar curada, tive mil outras coisas para me preocupar nessa fase que, como toda fase, eu sabia que ia passar. Para mim, cabelo é irrelevante.

Mesmo assim, sei que ficar careca não é simples. Um belo dia, eu me olhei no espelho e pensei “nossa… tou feia!”e logo depois, completei: “eu tou feia temporária… E pior pra quem é feia permanentemente?”. Não tem pq ficar se achando com cara de homem ou de lagartixa! rs! Existem milhares de artifícios que podem ser usados como turbantes, perucas, maquiagem e etc.

Vamos deixar de apego com o cabelo?
Hoje em dia, mantenho meu cabelo curtinho mesmo, por opção. E ele não define minha feminilidade, tenham certeza!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s