RADIOTERAPIA NO CÂNCER DE MAMA

Acabei de perceber que eu nunca havia postado sobre radioterapia aqui – um dos assuntos que mais me perguntam! Então, peguei o post que eu já tinha feito para o meu outro blog, o Mulherzinha, e dei uma repaginada!
Acho que não é nada mais que minha obrigação em fazer esse post para vcs e para todas as pessoas que vão passar pelo tratamento. Acho que depois de ter tido câncer de mama, uma das minhas missões é ajudar e alertar, como venho tentando fazer.Uma das coisas que mais acontece com quem está passando pelo câncer é o medo do desconhecido. Eu tive e, por isso, resolvi fazer esse post bem detalhado.Logo antes da radioterapia, me bateu uma curiosidade grande sobre como era o processo e como o peito iria ficar. Pesquisei na internet e encontrei muito pouca informação, principalmente no que diz respeito ao aspecto do peito.Não quero assustar ninguém, mas acho que é bem melhor estar ciente de tudo que vai acontecer do que ou vir versões “suaves” como as quais os médicos me passavam. É muito provável que as reações variem de pessoa para pessoa, então é importante deixar claro que tudo aqui aconteceu COMIGO. As pessoas me falavam “a rádio é super tranquila, bem melhor que a quimio!”. Ela pode até ser melhor que a quimio, mas não é tão tranquila assim. O que posso dizer? Dos males, o menor.

O processo é o seguinte:

– O tipo de radioterapia que fiz foi a de raios externos, administrados por uma máquina semelhante a essa da imagem.
radioterapia01foto24 (1)


– O primeiro passo depois da consulta com o médico é a simulação. Você vai deixar na máquina e eles vão marcar você com uma tinta especial para pele e uma caneta (tipo caneta de CD), pois esse será o local exato que os raios atingirão vc. É importante que vc não deixe que essas marcas se apaguem. Eu fui marcada no peito, na fossa (logo acima do peito) e logo abaixo do pescoço. Essa simulação serve também para que eles façam umas placas de proteção para colocar na máquina para que a radiação não atinja outras áreas do seu corpo

– Se vc estiver incomodada com as marcas, use camisa de gola alta e lencinhos. O detalhe: elas mancham a roupa! Separe uns sutiãs mais “velhinhos” ou de cores escuras para usar pois essas manchas não saem! Se as marcas estiverem sumindo (principalmente para quem tem pele oleosa), peça para os técnicos que estiverem te atendendo, reforçarem.

– A quantidade de sessões depende do seu tratamento. Eu fiz 28 e depois mais 5 como reforço. Elas serão realizadas todos os dias em um horário determinado.


– Provavelmente o médico vai passar algum hidratante especial para você usar. ISSO É MUITO IMPORTANTE! Se ele não passar, tome cuidado, pois os efeitos na sua pele serão piores. O que eu usei chama-se RADIAPLEX (ele custa cerca de R$160 e aqui em Salvador não tem). Conheço pessoas que usaram o NUTRAPLUS, que é barato, tem em diversas farmácias e é tão eficiente quanto – pergunte a seu médico se vc pode usar.

– Quando a rádio começar, o que vai mais te incomodar é a posição. Vc deita na máquina, levanta o braço e vira o pescoço para o lado.

– A radiação não vem de vez, não se preocupe! São diversos raios, alguns curtinhos e outros longos, dependendo do caso. O processo em si dura 15 a 20 min. (o grande problema que tive foi a demora no atendimento)

– Quando vc estiver fazendo rádio, caso for usar o hidratante, lembre-se de tirá-lo com água e sabão antes das sessões, mas SEM APAGAR AS MARCAS!

REAÇÕES
Pergunte detalhadamente a seu médico todas as reações que vc pode ter e como elas vão se apresentar. 
As que eu tive:

– MUITO sono. Por isso é importante que alguém vá com vc para as sessões. Evite dirigir!
– Calor no local. O peito fica muito quente! Logo depois, eu chegava em casa e colocava COMPRESSAS DE CHÁ DE CAMOMILA para aliviar e, em seguida, colocava o hidratante.
– Queimaduras – O peito vai ficando gradativamente vermelho, dependendo do seu tom de pele. As morenas e negras terão vantagem nisso! Eu sou branquela, então o peito foi queimando bastante. O mais importante é HIDRATAR a pele, pois isso ajuda que ela volte rapidamente ao normal. Suas costas também ficarão um pouco queimadas, como reflexo dos locais que vc fez a radio.
– Dor – O médico vai dizer que incomoda um pouquinho ou talvez vc não sinta nada. Acho que isso varia de pessoa para pessoa e de cada nível de tolerância a dor. A principio parece uma aguilhinha te furando levemente. Quanto mais seu peito está queimado, isso vai se intensificando, MAS NÃO É NADA QUE NÃO DÊ PARA AGUENTAR! É bem mais simples que uma dor de cólica, por exemplo.
– Retenção de líquido – Como eu fiz o esvaziamento de axilas (não foi total, só parcial) eu tenho uma tendência a reter líquidos no braco, axila e peito. Com a rádio isso se intensifica.Se você fez a drenagem logo após a cirurgia, provável que precise fazer de novo.

Fora essas ainda pode ocorrer uma dor no pescoço, do lado que você está fazendo a radio; uma dificuldade de respirar; impolação na pele e ela pode ficar em carne viva, mas acho que é caso se vc não hidrate. Eu não tive nada disso. Veja mais detalhes com seu médico. 

Quando a rádio terminar, você ainda deve continuar passando hidratante. Agora, eu uso o DERSANI, que é um óleo de semente de girassol, mas um óleo de amêndoas é bom também. Vc deve ser amiga do BEPANTOL, colocando principalmente embaixo do peito e na dobra do pescoço. O MELHOR DE TODOS para usar pós-rádio é o CETAPHILL RESTORADERM, passado pela minha dermatologista.

A minha demorou cerca de 1 mês e meio. É um período chato e que demora de passar, mas passa! Como td nessa doença horrível. Cerca de 1 mês depois sua pele estará bem mais normal! 

Depois que você estiver liberada, use o creme e também o filtro solar. Como a pele está sensível e ainda se recuperando, qualquer calor maior ela volta a ficar mais queimada, mesmo na parte que está coberta.

O que ainda pode acontecer
Segundo fui informada, de 6 meses depois da rádio até 1 ano, pode acontecer a retração do tecido, ou seja, a tendência é que o peito fique menor, desinche. Também podem ter alguns edemas, por isso é interessante fazer uma drenagem pós-cirúrgica quando sua pele melhorar. Eu faço já há mais de 1 ano! 

O peito vai ficar inchado, maior do que o outro. Com o passar do tempo isso vai melhorando, não se preocupe!

O trabalho:
Não vi a necessidade de parar de trabalhar, mas isso vai depender de vc. De qualquer forma, converse com as pessoas no seu trabalho e deixe todo mundo avisado do processo. Não é todo mundo que entende! 

É isso pessoal. Tai meu registro para quem precisar passar por esse processo e tiver as dúvidas que eu tive. Acho que eu fiz um apanhado geral sobre como é a radiodioterapia. Mas se vcs tiverem QUALQUER dúvida ou pergunta, não deixem de entrar em contato comigo. Meu email pessoal é papyds@gmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s